Quarta, 19 de Junho de 2024
83 998222992
Anúncio
Polícia BRASIL

Jovem entregue pela mãe à polícia por abuso sexual contra irmã menor irá para internação

Decisão da Justiça deve levar o adolescente, de 17 anos, para o Centro Socioeducativo de Internação Provisória da Região Tocantina, em Imperatriz.

07/05/2024 16h04
Por: Mídia Paraíba Fonte: Por g1 MA — São Luís/MIDIA PARAÍBA
Centro Socioeducativo da Região Tocantina, em Imperatriz — Foto: Divulgação/FUNAC
Centro Socioeducativo da Região Tocantina, em Imperatriz — Foto: Divulgação/FUNAC

Decisão da Justiça deve levar o adolescente, de 17 anos, para o Centro Socioeducativo de Internação Provisória da Região Tocantina, em Imperatriz. Centro Socioeducativo da Região Tocantina, em Imperatriz
Divulgação/FUNAC

A Justiça decretou a internação do adolescente, de 17 anos, que foi entregue pela própria mãe à polícia por abuso sexual contra a irmã menor, de quatro anos, em Santa Luzia, a cerca de 300 km de São Luís

Segundo a Polícia Civil, que investiga o caso, o adolescente será transferido da delegacia de Santa Luzia assim que for expedida a guia de internação. O local da internação deve ser o Centro Socioeducativo de Internação Provisória da Região Tocantina, em Imperatriz.
Por ser menor de idade, o adolescente responderá por ato infracional análogo ao crime de estupro de vulnerável. Pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, caso ele receba pena máxima, ficará em internação por até três anos e terá liberação compulsória quando completar 21 anos de idade.

O caso

Segundo a Polícia Militar, guarnições receberam denúncias, por volta das 23h50 do último sábado (4), por parte de uma mãe que relatou o abuso de sua própria filha, de quatro anos. O autor teria sido o irmão maior, de 17 anos, que assumiu o ato quando questionado pelos policiais.

Por causa disso, o adolescente foi apreendido por ato infracional e levado para a Delegacia Regional de Santa Inês, enquanto a irmã menor foi levada de ambulância para o hospital municipal.

No hospital, segundo a PM, o médico de plantão constatou que houve abuso sexual contra a menina. O Conselho Tutelar de Santa Luzia informou que a mãe e a menina foram encaminhadas para o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e receberão atendimento médico e psicológico.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias